“Me deprime”, diz Olly Alexander sobre usar o Grindr
“Me deprime”, diz Olly Alexander sobre usar o Grindr

Em entrevista para a nova edição da GQ Magazine, na qual ele é o grande destaque, o vocalista do Years & Years, Olly Alexander, falou sobre sua experiência com aplicativos online.

Ao ser perguntado sobre apps de pegação, Olly revelou que já usou o Grindr, pois queria ter essa experiência. Como resultado, ele tem coisas boas e ruins para falar sobre a plataforma.

Para Alexander, o Grindr é como um grande mercado de carne com fotos de pinto.

Confira:

“Quando eu estava recém-solteiro, eu baixei o Grindr porque ou estava em relacionamentos, ou eu estava na banda. Eu não poderia ter uma conta no Grindr, mas então eu estava tipo, ‘Espere, porque eu não posso ter um Grindr? Eu quero ter essa experiência.’ Sabe?”

0f19d9621717ea742dc2d8bbc4520f86--olly-alexander-my-way



Olly conta então que, sem saber o que o esperava, baixou o aplicativo.

“Então eu baixei o APP e entrei nele, e então foi estranho porque as pessoas iriam pensar que eu estava fazendo um perfil falso de mim mesmo… O Grindr tem algumas coisas ótimas, mas também várias coisas negativas.”

Neste ponto, Ally refletiu sobre o app ser muito sexualizado.

“É muito difícil confiar em alguém. Parece que é apenas um mercado de carnes com fotos de pinto e posições sexuais. ‘Você é ativo ou passivo?’ Isso me deprime um pouco.”

Recentemente, o Years & Years lançou o seu novo single, “Sanctify”, já disponível em todas as plataformas.

Fundador, administrador e redator-chefe.
« Post anterior Próximo post »
Notícias Relacionadas