Semana nos Charts: Justin Bieber prova que um artista sempre pode ficar maior
Semana nos Charts: Justin Bieber prova que um artista sempre pode ficar maior

Justin Bieber é a prova viva que, com pouquíssimas exceções, a maioria dos artistas que já tiveram o futuro de suas carreiras questionados conseguiram voltar maiores ainda. “What Do You Mean?” tornou-se, em menos de 2 semanas, não apenas o maior hit da carreira do canadense nos Estados Unidos, como no mundo. Pela primeira vez Justin tem, simultaneamente, uma canção no topo da Billboard e da UK charts.

justin-bieber-what-do-you-mean-2015-2-billboard-650

No Reino Unido, “WDYM?” foi escutada 3 milhões e 200 mil vezes nos serviços de streams. Nunca antes uma canção havia chegado a este patamar em apenas 2 semanas. Tal número contribuiu para que Bieber vendesse 84 mil cópias em território britânico, assumindo o #1.

Já nos Estados Unidos, mesmo vendendo menos que o lead single antecessor, Boyfriend (337 mil para What Do You Mean? contra 521,000) a canção obteve um melhor desempenho nas posições (superando, inclusive, o top 5 de Baby). Nos serviço de streams, a canção foi escutada mais de 20 milhões de vezes em apenas 5 dias, e conquistou 20 milhões de audiência nas rádios em apenas 3. Confira o top 10 da parada americana:

 

1 (estreia) What Do You Mean? – Justin Bieber
2 (-1) Can’t Feel My Face – The Weeknd
3 (+1) The Hills – The Weeknd
4 (-1) Watch Me (Whip / Nae Nae)- Silentó
5 (-3) Cheerleader (Felix Jaehn remix)- Omi
6 (-1) Lean On- Major Lazer featuring DJ Snake and MØ
7 (-1) Good For You- Selena Gomez and A$AP Rocky
8 (-1) 679 – Fetty Wap and Remy Boyz
9 (-1) Locked Away- R.City and Adam Levine
10 (+3) Where Are Ü Now – Jack Ü feat. Justin Bieber

 

Álbuns

The Weeknd caminha para ser o campeão global de vendas após estrear no topo dos dois maiores mercados fonográficos do mundo: o do Reino Unido e o dos Estados Unidos. Na Billboard 200, o canadense estreou vendendo 412 mil unidades (326 mil delas sem os streamings). Apenas Drake superou a quantidade vendida pelo cantor de Earned It em 2015. Vale lembrar que as previsões iniciais eram de 300 mil cópias.

Quem chamou a atenção foi a nova estrela da música alternativa Halsey. Após BADLANDS surpreender com uma das melhores pré-vendas da história do iTunes com 40 mil cópias vendidas na pre-order, seu álbum de estreia chegou ao número #2 da Billboard 200 com 115 mil unidades vendidas (97 mil sem contar os streamings).

Confira o top 10 da parada americana:

1 Beauty Behind the Madness- The Weeknd
2 BADLANDS – Halsey
3 Kill the Lights – Luke Bryan
4 1989 – Taylor Swift
5 Compton – Dr. Dre
6 X – Ed Sheeran
7 Start Here- Maddie & Tae
8 Depression Cherry – Beach House
9 Brand New – Ben Rector
10 Immortalized – Disturbed

As paradas da UWC, responsáveis pelos charts a nível global, só devem ser atualizadas na próxima sexta. Porém, espera-se que Bieber tenha o maior debut de um artista não asiático desde Born This Way em 2011, e que The Weeknd possua o álbum mais vendido mundialmente. Caso a previsão se confirme, será a primeira vez na década que o #1 na parada de singles, e o #1 na parada de álbuns são ambos canadenses.

O melhor do Mundo POP, com a qualidade RDT que você merece!
« Post anterior Próximo post »
Notícias Relacionadas