Hello POP: Apresentando Lights
Hello POP: Apresentando Lights

Sabe aquele artista que parece que só você conhece? E você sempre quis que todo o mundo soubesse da existência dele, pra que assim você pudesse comentar sobre ele? Nós pensamos nisso! E agora, apresentamos nossa nova coluna do RDT Pop, que irá buscar “artistas desconhecidos”, para apresentá-los aos nossos leitores.

Pra que essa coluna funcione, sua participação será muito bem vinda. Escolheremos artistas para serem apresentados nesta coluna, através das suas sugestões. Já temos alguns predefinidos, e vocês irão conhecê-los ao longo das próximas semanas.

Nota: Os artistas apresentados aqui não são necessariamente inéditos na indústria musical. Alguns podem, e terão, músicas nos serviços de streamings como Spotify e YouTube. Com a observação de não terem um alcance tão grande do público mainstream.

Hello POP – Edição 1: LIGHTS

A nossa primeira artista escolhida é a Lights, nome artístico de Valerie Anne Poxleitne, uma canadense, que merece – muito – um pouco da sua atenção.

Com um som que varia entre o pop eletrônico e o pop indie, a cantora nos mostra – além de sua voz potente e empolgante -, melodias que nos envolvem entre as batidas de sintetizadores com letras profundas, inspiradoras e animadas.

Seu álbum de estreia, The Listening, de 2009, é uma mistura de sentimentos, estilos musicais e conceito. Já na primeira faixa, “Saviour“, você vai capturar toda a essência da canadense e ser transportado pro universo dela. E o mesmo vai acontecer com todas as faixas, como “River” (Onde ela canta: “Out across cities I see buildings burn into piles and watch the world in wonder, as mountains turn into tiles //  Através das cidades eu vejo edifícios queimarem em pilhas, e vejo o mundo em espanto, como as montanhas se transformam em telhas”), “Drive My Soul” e “The Listening” – que dá nome ao disco.

Em Siberia – o meu álbum favorito ♥ -, de 2011, já temos uma Lights mais profunda, com letras mais experientes e uma batida mais puxada pro pop eletrônico. Já na primeira faixa, com uma super batida pop, sentimos pra quê o álbum veio. Faixas como “Toes” (“Oh, you capture my attention; Carefully listening, Don’t wanna miss a thing, Keeping my eyes on you, // Oh, você capturou minha atenção, ouvindo atentamente, não quero perder nada, mantendo meus olhos em você”),Suspension” e “Cactus In The Valley“, farão você querer dançar loucamente.

Little Machines, de 2014, vem acompanhado do conceito robótico. Faixas como “Up We Go“, “Same Sea“, “Muscle Memory”  e “Oil and Water“, merecem um destaque especial e uma conferida. Os sintetizadores presentes nas faixas lembram canções de Madonna, Lady Gaga e Kylie Minogue.

No próximo dia 22 de setembro, Lights lançará um novo álbum, que já possui algumas faixas disponíveis com clipes na internet – separamos os clipes, estão abaixo. O projeto, batizado de Skin&Earth, vem acompanhado de uma nova série animada.

Se você está procurando “novos” artistas pra ouvir, Lights é uma boa opção.

VIDEOS:

A cantora canadense tem uma rica videografia disponível em seu canal no YouTube. Separamos alguns mais notáveis.

SPOTIFY:

Toda a discografia da cantora está disponível no Spotify. Ela sempre lança versões acústicas de suas músicas. Separamos os álbuns de estúdio. Confira!

  • The Listening [2009]:

  • Siberia [2011]:

  • Little Machines [2014]:

REDES SOCIAIS:

Lights está presente em todas as redes.

 

instagram twitter facebook


 

 


.

Esse foi o nosso primeiro Hello POP. Na próxima semana, apresentaremos mais um artista.

.

SUGESTÕES:

Escreve pra gente nos comentários. Sempre lemos e respondemos.
Até o próximo HELLO POP aqui no RDT POP.


ACOMPANHE NOSSAS OUTRAS COLUNAS, CLIQUE AQUI E LISTE TODAS

« Post anterior Próximo post »
Notícias Relacionadas